Dicas de segurança FreteBras: frete seguro para sua empresa

2020-10-23T14:57:25-03:0023/10/2020|Categorias: Logística e Transportes|

Garantir um frete seguro está entre as prioridades das empresas contratantes e da plataforma FreteBras.

Lidar com o transporte de cargas é enfrentar inúmeros desafios diariamente, que vão desde a negociação do frete até a satisfação do cliente. Para que tudo corra bem, é preciso levar em conta outros fatores igualmente importantes, como: a tendência da publicação de cargas online, a agilidade na entrega e, principalmente, o frete seguro

Todos esses fatores estão reunidos em uma plataforma de fretes como a FreteBras. A agilidade na entrega segue o ritmo da publicação online das cargas e juntas ajudam a melhorar a experiência do cliente. Além disso, a plataforma disponibiliza várias soluções para os clientes, que vão além da publicação diária e ilimitada de fretes. 

O Checkin de Frota é uma delas e auxilia as transportadoras a disponibilizar seus veículos ociosos para outras empresas. Outra funcionalidade é a Cotação de Frete, que permite ao embarcador publicar sua carga na plataforma e receber as propostas das transportadoras em tempo real.

Mas como fica a segurança da carga para quem usa a plataforma? As alternativas para um frete seguro começam com a validação das informações recebidas pelo atendimento da FreteBras. Todos os dados de empresas e caminhoneiros autônomos são confirmados para que possam compor corretamente o cadastro na ferramenta.

Na sequência, a FreteBras passa algumas orientações importantes para quem vai se associar à plataforma, antes de pensar em fazer qualquer publicação. Algumas ações e observações legais precisam ser incorporadas ao cotidiano de toda empresa que possui frotas de veículos e deseja obter sucesso em suas operações, com um frete seguro.

Para os empreendedores que contratam esse tipo de serviço, avaliar as transportadoras que cumprem com suas obrigações e desenvolvem políticas de frete seguro também é importante. Afinal, suas encomendas precisam chegar íntegras aos destinos.

Para auxiliar as empresas que utilizam o transporte de cargas, destacamos algumas dicas de segurança da FreteBras para um frete seguro:

Para as transportadoras, antes de publicar um frete seguro é preciso:

1 – Pedir sempre os dados cadastrais da empresa que solicitou o serviço (CNPJ, telefones de contato, e-mail, site) e verificar se as informações são verdadeiras;

2 – Consultar a empresa em sites de busca, procurar pelos telefones cadastrados, ligar e certificar-se que de fato é a própria empresa que está solicitando a contratação dos serviços;

3 – Solicitar detalhes sobre a carga e o que será transportado. A suspeita de que não se trata de frete seguro deve surgir com qualquer informação que não faça muito sentido;

4 – Desconfiar de valores muito mais altos do que os praticados no mercado;

5 – Tomar cuidado com o contato feito por pessoas ou empresas desconhecidas, principalmente em finais de semana e feriados, quando a confirmação dos dados do contratante fica prejudicada.

Para embarcadores que querem garantir um frete seguro é necessário:

1 – Pedir sempre a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), o RNTRC (Registro Nacional dos Transportes Rodoviários de Cargas) e o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos) do motorista. Assim, é possível consultar a validade desses documentos gratuitamente nos sites dos órgãos emissores dos documentos;

2 – Solicitar também comprovante de residência, telefones de parentes e nomes de outras transportadoras que o caminhoneiro já carregou para pedir referências;

3 – Fazer a consulta do caminhoneiro em uma gerenciadora de risco. Existem várias no mercado e elas ajudam justamente na validação do histórico do motorista antes de carregar o caminhão, para um frete seguro;

4 – Nunca faça pagamentos na conta de terceiros. O pagamento do frete deve ser feito sempre na conta do próprio motorista ou do dono do veículo, para evitar potenciais prejuízos financeiros.

Para o agenciador, que faz a intermediação entre empresas e caminhoneiros e quer garantir um frete seguro, aí vão algumas dicas importantes da plataforma: 

1 – Atenção às fraudes

O agenciador é a ponte entre embarcadores/transportadoras e caminhoneiros. Portanto, é bom verificar todos os dados antes de fazer a publicação na plataforma. O ideal é pedir o máximo de informações para a empresa e verificar na internet se está tudo correto. Um anúncio falso pode fazer com que o agenciador seja expulso da plataforma.

2 – O trabalho só acaba quando termina

O trabalho do agenciador não acaba depois de encontrar o veículo ideal para transportar a carga do contratante, ele segue até o fim do processo. Caso aconteça algum sinistro, atraso ou acidente, o agenciador deve ajudar a solucionar. Além disso, ele deve garantir que o caminhoneiro receberá corretamente. O trabalho só acaba quando as empresas e os caminhoneiros ficam satisfeitos.

3 – Ser justo e transparente na cobrança dos valores

Para garantir justiça e transparência às negociações, o agenciador deve ser claro com quem estiver tratando. Nunca deve cobrar de motoristas um valor diferente do que foi oferecido por embarcadores/transportadoras. Ao concluir uma negociação, o profissional não deve fazer alterações, pois isso evita o desgaste na relação comercial.

4 – Na dúvida, conte com a FreteBras

Caso o agenciador tenha dúvidas ou dificuldades, deve falar com o pessoal da plataforma. Na FreteBras, uma equipe de atendimento qualificada sempre está disponível para ajudar a resolver qualquer questão.

Quer saber como funcionam nossos preços e planos? Clique aqui agora mesmo.

Compartilhe: