Além do transporte de matérias-primas, existe o transporte de máquinas agrícolas que são usadas para aumentar a produtividade no campo e outras atividades que necessitam de veículos mais robustos. Atuar nesse tipo de transporte de carga indivisível envolve complexidade, legislação específica e planejamento.

Você sabe como funciona esse tipo de frete? Acompanhe esse artigo com a gente e descubra.

 

Pesos e dimensões permitidas nas estradas

Geralmente as máquinas agrícolas ultrapassam o peso de 300 toneladas. Devido ao peso e dimensão, não é permitido o tráfego em vias públicas. O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) é o órgão que estabelece regras e veículos especiais para o transporte dessas cargas.

 

AET e legislação

Para os veículos que não se enquadram nos limites de peso e dimensões do CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito), é necessário obter a AET (Autorização Especial de Trânsito). É preciso também seguir a legislação vigente de cada cidade e estado do transporte.

 

Cargas de alto valor agregado

Máquinas como tratores, empilhadeiras, varredeiras, costumam ser extremamente valiosas. Danos à carga, acidentes, roubos e outras ameaças no transporte devem ser evitados com um bom gerenciamento de riscos.

 

Elevados custos com seguro

As máquinas agrícolas precisam ser asseguradas além do seguro básico. O custo depende do valor e risco do equipamento. A colheitadeira usada na colheita de lavouras, por exemplo, possui um custo de seguro que pode chegar a R$20.000 por ano.

 

Planejamento é fundamental para esse tipo de transporte

Transportar máquinas agrícolas exige muito planejamento para atender todas as exigências de documentação e transporte com segurança.

 

Documentação necessária

Como já falamos no início do artigo, para transportar máquinas agrícolas é necessário a emissão do AET.
Você sabia que existem vários tipos dessa autorização? Veja quais são:

  • Federal: É a licença para transitar nas rodovias federais, cujo órgão responsável pela emissão é o DNIT;
  • Estadual: É a autorização para trafegar nas estradas estaduais, emitido pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem) do estado. Caso o trajeto inclua rodovias federais e estaduais, é necessário informar cada endereço que o veículo terá acesso;
  • Mensal: É a licença com validade de 30 dias para o veículo trafegar nas vias informadas no requerimento;
  • Anual: É uma autorização com validade de 1 ano e precisa ser renovada anualmente;
    Viagem única: É uma licença especial de trânsito válida para apenas uma viagem pelas rodovias indicadas.

 

Veículos Adequados

O transporte de máquinas agrícolas exige caminhões e carretas especiais. Como o caminhão prancha, que facilita a carga e descarga com a carroceria rebaixada e o caminhão munck, como uma alternativa por possuir um guindaste com braço.

Procura por caminhões com a carroceria certa para transportar sua carga? Conheça a Fretebras.

 

Segurança no transporte

Além do seguro da carga que já falamos, a segurança no transporte também engloba a utilização de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) apropriados para a atividade e motoristas qualificados para esse tipo de transporte.

Aqui na Fretebras temos mais de 750 mil caminhoneiros autônomos cadastrados. Encontre o motorista ideal para a sua carga.

Gostou desse conteúdo, parceiro? Visite o blog Fretebras e assine a newsletter para receber mais conteúdos do transporte rodoviário de cargas em primeira mão.

Você já conhece a Fretebras e sabe como podemos ajudar a sua transportadora?

Aqui, você se conecta mais rápido com quem precisa de fretes e deixa sua operação mais ágil, eficiente e rentável.

 


Compartilhe: